Dia a dia de uma mãe sem babá, sem empregada, sem filho na escolinha e de carne e osso – Por Juliana Brandileone

11944856_862098937208305_1272918663_nPara quem quer conhecer um pouco do dia de uma mãe sem babá, sem empregada, sem filho na escolinha e de carne e osso… aqui está!

“TAMU JUNTA”

Essa é a rotina de uma mãe madame que não trabalha e tem o chefe mais exigente do mundo… começando pela manhã pois se eu disser que não dormiu bem a noite será um ciclo vicioso!

Acorda cedo independente da sua vontade, cansaço, barulho de chuva na janela
ou qualquer outro tipo de gripe, resfriado ou dor nas costas uma vez que seu chefe exige naquele momento e sem acordo uma mamadeira.

Sonolenta prepara o leite e o local para que o processo seja feito de maneira confortável, quentinho e com muito amor.

Após a mamada a chefia desperta com toda energia do mundo e sem a mínima sintonia com a sua. Quer descer do colo e brincar como se tivesse hibernado 1 ano sem ver seus brinquedos barulhentos.

Bom dia… alguém te disse bom dia?

Não dá tempo….

Vamos a troca da fralda pois já se passaram quase 10 horas da última e o limite são 12. Começo de luta, abaixa aqui corre ali, rendido… ao trocador. Mexe em tudo, se vira igual minhoca na isca, e nesse momento a tensão se concentra no ter ou não um cocô ali. Essa manobra com cocô sempre acaba com um: fica quieto mais duro ou uma fralda no chão. Não entendo pra que tanto fogo em ver e mexer em tudo que tem ali em cima. Você respira, inspira e lembra…. É uma criança!

Solta a fera no chão e a brincadeira volta de onde tinha parado.

Lava as mãos e álcool gel!

Toma seu breve café ou suco ou leite ou iogurte…ah sei lá, ela não é tão exigente e come o que tem!

TV ligada… a mãe acha que tem o direito de ver algo que goste enquanto lava a louça. Negativo! Não há notícias do interesse dela apenas as mesmas de sempre de que a galinha usa saia e o galo paletó, o seu Lobato tinha um sítio ia ia ô, a roda do ônibus roda roda..roda roda, e aquela intrigante menina que sempre quer saber porque o gato mia, verde por fora vermelha por dentro é a melancia!

Louça lavada agora roupa para máquina! Separa por cor e pronto. Colega de trabalho na função.

Ixi… trocar de roupa. A sua! Ela esqueceu… trocou apenas o pijama do chefe.

Troca de roupa pensando no almoço. Uns pensam… aff, de novo comer…só pensa em comida! Mas a comida não é pra ela…É pra chefia!

Checagem do que tem pra hoje e acabaram as comidinhas feiras com amor e congeladas então é dia de cozinhar pra valer.

Bora pro mercado, sacolão e açougue ou onde preferir!

Chama a chefia que quase nunca quer ir mas por convencimento acaba se entregando com a condição de levar amigos no passeio. Entra no jogo urso, boneco, carrinho, guitarra e tudo mais. Todos pro carro.

Cadeirinha pronta lá vamos nós!

Desce do carro, desce da cadeirinha, senta no carrinho do mercado. Até que a chefia ainda não pede nada (eu sei que tem fases punk mas não é o caso hj rs). Compras pensadas não no hoje mas na semana ela vai pro caixa…

Tira tudo…embala tudo e a paciência da chefia acabando.

Tudo no carro. Brinquedos cercando a cadeirinha de volta para casa.

Caramba… quase 11 e nada de almoço.

Chega em casa… tira tudo do carro (menos os brinquedos… Agora não há tentáculos disponíveis para tal feito). Tudo em casa, chefia de volta aos brinquedos e TV, mamãe vão guardar tudo e começar o almoço.

Caramba… xixi… ela quase esqueceu de fazer!

Lava as mãos e vai às panelas!

Concentração na alquimia e alguém quer atenção e não entende que aquilo é pra ele! Colo…quer colo… panela no fogo e ele quer me afastar por colo. Diminui-se o fogo e dá-se o colo.

Oferece suco ou água a chefia que pelo jeito sentiu o cheiro e tá com fome. Enquanto o fogo baixo cozinha, vamos a fralda novamente.

Trocador… e minhoca na isca e pronto. Fralda trocada.

Lava as mãos e álcool gel de novo!

Chefia aguenta mais uns minutos brincando sem a mãe e almoço pronto. Parece que vem um batalhão mas não, ela já pensa nos dias corridos em que a chefia não pode ficar sem comer de maneira saudável e congela parte da comida fresca.

Uhuuullll hora do almoço. Cadeirão!
É perna perna que sobe…perna que desce!
Vontade de comer sozinho uuuuuuulalá

Primeira a quinta colherada tranquilo.
De repente tudo muda. Começam os acordos… mais uma e a mamãe te mostra uma coisa legal, o que você quer assistir?, olha o passarinho lá fora…, quer massinha (aqui faz milaaaagres a massinha)… e por aí vão longos quase 40 minutos. Essa idade quer tudo… menos parar para comer.
(Podem julgar aquelas que seguem o programa da gnt meu filho come mal… aqui tem que rolar uma distração sim rs)
Sobremesa (muitas vezes danoninho shiiiiplat – som da chibata) e suco ou água.
Tudo delicioso e a disposição.

Só um comentário sobre como a nossa vida muda… a mãe não fosse mãe comeria qualquer coisa em 5 minutos!

Almoça um pouco do que restou do prato da chefia e mais um complemento…

Pronto.

Vamos descer um pouco para andar e fazer a digestão já que não deu tempo de brincar lá embaixo no sol da manhã. Ixi… protetor. Chefia precisa de protetor solar.

Brinca, corre e grita de felicidade.

Pede colo e chupeta! Sono chegando…

De volta em casa, colinho e carinho para uma naninha certa! Pronto… chefia dormindo, mãe descansa ‪#‎sqn‬!

Hora de lavar a louça do almoço e tirar a roupa que a colega lavou…

Roupa estendida!

Passos de pernilongo pela casa e silêncio de templo.

A mãe tem várias escolhas para se entreter nesse breve espaço de tempo! Ela pode tomar banho, lavar o cabelo mas sem secar como gostaria, fazer cocô tranquilamente, assistir no volume mínimo algo na TV, olhar seu celular sem dividir com a chefia, retornar ligações perdidas, arrumar a casa, passar roupa, trabalhar como autônoma e em paz, enfim… uma infinidade de coisas! Mas só dá uma! Só uma porque a chefia já vai acordar.

Conselho: se cocô e banho forem prioridade comece por eles…Não dá pra parar no meio por exigência da chefia.

Pensando bem dá se for banho… o número dois complica!

Preferências executadas na prioridade possível com êxito, chefia acorda.

Mamadeira ou lanche da tarde. Ele escolhe de acordo com o humor e preguiça que acorda!

No colinho pra mamadeira ou sentado junto para o lanche, mais um momento juntos.

Hora de começar a pensar na janta. Papai daqui a pouco chega. Analisada a quantidade restante entre sobra do almoço e armários, vem a decisão fazer ou não a janta. Hoje, pós análise, se faz necessário.

Quando a sobra é razoável, papai e mamãe lancham…

Chefia quer brincar com a mãe! A mãe aceita… jantar fica para depois!

Papai chega… janta não está pronta. Há uma negociação rápida com a chefia para a troca de companhia e a execução da janta. O pai assume a brincadeira. Mãe volta pra cozinha!

Janta pronta… Cadeirão e negociações parte 2.

Casal conversa um pouco… enquanto jantam…

Brincadeiras com o papai afinal ele passou o dia todo fora…

Chegou a hora do banho e para o papai curtir mais um pouco o filho essa tarefa é dele…

Na saída do banho lá está a mamãe… com a toalha pro tinha para agasalhar, secar, trocar e escovar os dentes (tarefa animalllll essa de escovar os dentes, é quase mais fácil escovar os dentes de um hipopótamo).

Tá quase no fim o dia.

Agora a mamãe vai preparar a mamadeira e caminha.

Deitados… mamando… alguma luta com o sono e pumba…foi!

Colocar o filhote na cama e relaxar 2 minutos…

Banho da mamãe …. a gente quase dorme na água quente rs… morta com farofa!
Pijama mamãe… tentando um bonitinho no meio de 300 que estão lavando porque pingou leite… xixi… fralda etc…mas se não tem tu, vai tu mesmo!
Namorar e conversar com papai (não necessariamente nessa ordem e nem diariamente pq a gente pifa)…
Nem acreditar que m breve o corpo tá lá estendido inteirinho na cama…
Fazer aquela oração por tudo.

Deitar na cama para a primeira etapa do sono até que o filhote acorde (e quando não acorda a gente acorda e vai ver se está respirando kkkk).

Se ele chama a noite, ele quer MAMÃE e não há negociação… Então a mãe zelosa levanta está vai fazer dormir de novo a chefia mais exigente do mundo.

Logo mais é manhã de novo e se mudar alguma coisa da rotina será sempre para acrescentar e nunca diminuir o dia frenético de uma mãe.

Se identificou??
Somos nós!

E aí, gostou da nossa publicação?

Compartilhe com seus amigos e família e não deixe de curtir nossa página no Facebook Mães em ação , assim você fica por dentro de tudo o que rola no mundo das mães!

Anúncios

8 comentários

    1. Oi Rodovaldo!
      Sim… É real!
      Somos de carne e osso e vivemos essa loucura com o maior amor do mundo!
      Obrigada por nos acompanhar …gratificante ver um pai por aqui!
      Um abraço

      Curtir

  1. Nossa, é uma saga! Uma perguntinha: você tem a opção de escolher outra vida? E por muito tempo do texto achei que era mãe solteira. Cadê seu companheiro? Ah, tem companheiros que acordam e levantam de noite pois é por quem a criança chama…

    Curtir

    1. Olá…
      Tenho um marido maravilhoso e super companheiro. O fato é que assim como muitas famílias ele não tem a disponibilidade financeira de trabalhar de casa e chegar cedo. Sendo assim a rotina é da mãe. Quando está presente até almoço faz. É o amor da minha vida… Essa foi a ilustração de uma rotina que muitos pais só ficam sabendo mas não imaginam como é vivê-la… lendo se vive um pouco dessa realidade!
      Obrigada por ler e comentar com a gente!
      Abraço

      Curtir

  2. Imaginem encaixar todas essas mesmas atividades em uma rotina de uma mamãe que precisa trabalha fora? Aí é punk! E é a realidade de boa parte das mulheres brasileiras.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s