Mãe da semana: Cassiane Reis – Você sabe o que é parto a fórceps?

forcps 2A mãe dessa semana conheci em um grupo de mães que acompanho, vi o post dela relatando sobre o parto dela e a necessidade de fazer o parto a fórceps. Sinceramente, eu não sabia o que era, a única vez que soube que alguém fez, foi por meio de um post de um amigo comunicando o nascimento do filho dele.

O parto a fórceps é um parto normal, porém, nesse parto é utilizado um instrumento chamado fórceps, o médico para a realização desse tipo de parto liga à cabeça do bebê ao instumento para que ele possa ser retirado por via vaginal. Nesse tipo de parto é necessário que seja feita uma incisão na região do períneo (entre a vagina e o ânus) para alargar a abertura e facilitar a introdução do fórceps e o posicionamento na cabeça do bebê (episiotomia). A episitomia é  recomendada em alguns casos pela Organização Mundial da Saúde (OMS), no Brasil o procedimento é regra.  Vários motivos levam ao uso do método, incluindo circunstâncias em que haja sofrimento fetal ou a mãe não esteja mais conseguindo fazer força. Caso essa prática seja utilizada, sem necessidade, essa prática é considerada uma violência obstétrica. Fique atenta!

Esse post serve para reforçar a campanha da Revista Época #partocomrespeito, que foi criada para levantar o direito das grávidas e de suas famílias.

 

***

Hoje, eu tenho 17 anos, mas engravidei com 15 e tive minha filha com 16 anos. Foi uma gravidez muito tumultuada, cheia de brigas e tudo mais , numa 2ª feira,  por volta das 3 da manhã meu marido saiu pra trabalhar e aí discutimos … Eu estava com 39semanas+4dias, comecei a sentir as dores … Meu tampão já estava saindo faziam 2 semanas, contração de 30 e 30 minutos. Não consegui dormir … Já estava tudo pronto, esperei a dor ficar de 5 em 5 minutos, na 4ª feira por volta das 9 horas da manhã fui pra maternidade … Chegando lá estava com 3 dedos de dilatação e fui internada …

Por volta das 9 horas estouraram minha bolsa, era só sangue nada de água, dores horríveis, minha filha subia em vez de descer na minha barriga, uma das enfermeiras subiu em cima de mim e mesmo assim não adiantou nada , eram só enfermeiras fazendo meu parto pelo jeito estavam aprendendo, por sorte e Deus um médico passou por mim lá naquela hora, ele estava saindo de uma cesárea e parou para olhar o que estava acontecendo, foi quando ele falou que minha filha não iria sair e mandaram pegar umas coisas começaram a me cortar e depois vieram com um ferro horrível encaixaram na cabeça da minha filha, ninguém me explicou nada e nem pediu meu consentimento para qualquer coisa então e ele a puxou com toda força ….. Foi a pior dor do mundo, minha filha nasceu toda preta, ficou quase 15 minutos sem chorar … Então, veio para os meu braços com o rosto todo machucado, a clavícula dela saiu do lugar. Mas depois que ela veio para os meu braços, graças a Deus com saúde tudo ficou bem.

Ela está com 10 meses ela é super esperta. Não sou mais a favor do parto normal depois dessa experiência.

Tenho seqüelas até hoje, não posso usar roupas apertadas, sentar no chão, andar muito, porque foram muitos pontos que levei e depois eles infeccionaram e fiquei internada mais 7 dias, mas foi o presente mais lindo que Deus me deu, eu passaria tudo de novo pela minha filha #Pietra.

forceps_parto

Fonte: http://brasil.babycenter.com/a1500709/parto-a-f%C3%B3rceps-ou-por-v%C3%A1cuo-extrator-ventosa 

http://epoca.globo.com/vida/noticia/2015/07/violencia-obstetrica-1-em-cada-4-brasileiras-diz-ter-sofrido-abuso-no-parto.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s